Golfo Zuiderzee | Holanda

Tags

Golfo Zuiderzee | Holanda

O Golfo Zuiderzee é um golfo de 5.000km2, formado pelas águas do mar do Norte, na costa noroeste da Holanda (Países Baixos). Surgido no século XIII, o Zuiderzee provocou a construção dos terpens, colinas que, por seu volume, figuram entre as grandes obras de engenharia da humanidade. No século I, era mistura de planície e lagos de água doce, ligados ao mar por um dos braços do rio Reno. Mais tarde, entre os anos 250 e 600, o nível do mar elevou-se e com isso o rio e o lago principal alargaram-se. Esse trecho separava-se do mar do Norte por bancos de areia que são agora as ilhas Frísias. Por volta do ano 400, os habitantes das ilhas construíram os primeiros diques e os terpen ou werden, colinas onde se refugiavam quando as águas se elevavam. Seguiu-se um período em que houve o fenômeno oposto, baixa no nível do mar, mas no século XIII enchentes inundaram vastas áreas e criaram o Zuiderzee propriamente dito.

Golfo Zuiderzee | Holanda

Com o objetivo de recuperar essas terras iniciou-se em 1916 a dessecação do Zuiderzee. Foi erguido um dique com trinta quilômetros, o Afsluitdijk, que dividiu o Zuiderzee no Waddenzee e no IJsselmeer. Na década de 1980, metade deste já era aproveitado para agricultura, graças a um sistema de estações de bombeamento, diques e comportas. Suas águas se tornaram doces e já se completaram quatro dos cinco pôlderes planejados, que totalizarão 2.000km2.