Mostrando postagens com marcador Nauru. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Nauru. Mostrar todas as postagens

Nauru | Aspectos Geográficos e Socioeconômicos de Nauru

Nauru | Aspectos Geográficos e Socioeconômicos de Nauru


Geografia – Área: 21,2 km². Hora local: +14h30. Clima: tropical. Capital: Yaren (administrativa). Cidades: Yaren (820) (distrito), Aiwo (680), Anetan (470), Anabar (330), Anibare (200).

População – 13,4 mil; nacionalidade: nauruana; composição: nauruenses 58%, melanésios, micronésios e polinésios 26%, chineses 8%, europeus 8%. Idiomas: inglês, nauruense (oficial). Religião: cristianismo 75% (protestantes 50,8%, católicos 25,4%, outros 9% - dupla filiação 10,2%), crenças populares chinesas 10,5%, bahaísmo 9,4%, sem religião 3,5%, budismo 1,4%. Moeda: dólar australiano.

Relações Exteriores – Organizações: Comunidade Britânica, ONU. Embaixada: Missão Permanente de Nauru junto às Nações Unidas. 800, Second Avenue, suite 400D, New York, NY 10017, EUA.

Governo – República parlamentarista. Div. administrativa: 14 distritos. Presidente: Ludwig Scotty (desde 2004). Partidos: Primeiro de Nauru, Democrático de Nauru. Legislativo: unicameral – Parlamento, com 18 membros. Constituição: 1968.

Nauru é uma pequena ilha localizada no oceano Pacífico, no centro-norte da Oceania. Menor república do planeta, a extensão de todo seu perímetro é de apenas 19 quilômetros. Após décadas de exploração predatória de fosfato, na área central da ilha, 80% do território está inabitável e incultivável, com enormes crateras. Os nauruanos se concentram numa estreita faixa costeira. Nauru pode ter suas jazidas de fosfato esgotadas em poucos anos e busca alternativas econômicas, como tornar-se um centro financeiro. O país importa alimentos e até água potável.

NAURU, ASPECTOS GEOGRÁFICOS E SOCIOECONÔMICOS DE NAURU

História de Nauru

Bandeira de NauruO inglês John Fearn chega à ilha em 1798. Em meados do século XIX, os alemães encontram ali grandes depósitos de fosfato. Durante a I Guerra Mundial, em 1914, a Austrália ocupa o território e mantém seu domínio após o fim do conflito, por mandato da Liga das Nações, que também indica Reino Unido e Nova Zelândia como co-administradores. Os três países exploram de forma conjunta as reservas de fosfato a partir de 1919. Em 1942, durante a II Guerra Mundial, os japoneses invadem Nauru e levam 1,2 mil do total de 1,8 mil nativos do país para trabalhar nas ilhas Carolinas (atual Micronésia). Após a guerra, torna-se um território sob tutela da Organização das Nações Unidas (ONU), administrado pela Austrália, com o auxílio do Reino Unido e da Nova Zelândia. A independência é conquistada em 1968. Em 1993, a Austrália concorda em pagar uma compensação Nauru pela exploração predatória de fosfato. Nova Zelândia e Reino Unido também contribuem.

 Yaren, Capital de Nauru
 Yaren, Capital de Nauru
Paraíso fiscal – Em 1995, o Parlamento elege Lagumot Harris para presidente. A partir de novembro de 1996, Nauru troca de presidente três vezes em quatro meses, em meio a uma luta política entre Harris e o ex-presidente Bernard Dowiyogo. Em 1997, Kinza Clodumar, aliado de Dowiyogo, é eleito para o cargo. No ano seguinte é substituído pelo próprio Dowiyogo. Rene Harris sucede-o em 1999, mas renuncia em 2000, e Dowiyogo é empossado mais uma vez. Nesse ano, um relatório da Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE) inclui Nauru na relação de países classificados como paraísos fiscais, em virtude das facilidades concedidas a investimentos estrangeiros.

Rene Harris torna-se presidente em 2001. O governo acolhe temporariamente 1,2 mil refugiados que a Austrália se recusa a abrigar. Recebe, em troca, 30 milhões de dólares australianos. Em dezembro de 2003, a OCDE retira o país da lista de paraísos fiscais. A grave situação financeira leva Nauru a pedir ajuda à Austrália, em abril de 2004. Em junho, o Parlamento derruba o governo de Harris, substituindo-o por Ludwig Scotty. No mês seguinte, a Austrália envia uma delegação à ilha encarregada de propor reformas econômicas. Em outubro, Scotty dissolve o Parlamento. Nas eleições gerais realizadas no mesmo mês obtém maioria parlamentar e é reeleito presidente.


http://www.klimanaturali.org
http://www.geografiatotal.com.br

Turismo em Nauru e Yaren | Capital de Nauru

Turismo em Nauru e Yaren | Capital de Nauru

TURISMO EM NAURU E YAREN, A CAPITAL DE NAURU

Yaren é um distrito no sul de Nauru. A maioria das instituições governamentais estão situadas em Yaren, e o distrito assim é listado como "capital" do país.

A ilha do Pacífico Sul de Nauru é a menor república independente do mundo. A capital Yaren é um bom ponto de partida para explorar a pequena nação da Oceania. apesar de ser um país pequeno, Nauru tem sua própria identidade cultural. As águas espetacularmente belas são uma das grandes atrações para o mergulho, muitas praias estão rodeadas de palmeiras e as magníficas florestas são uma alegria para caminhar.

Há poucos locais turísticos tradicionais em Yaren, mas uma caminhada em torno da cidade irá revelar uma série de edifícios governamentais interessantes, incluindo a Casa do Parlamento.

Os lugares mais populares para natação são as praias de Anibare Bay, com areia branca convida-o a passar um dia relaxando sob o sol, e as águas quentes esperam por nadadores, mergulhadores e praticantes de snorkel.

Laguna Buada
Laguna Buada
O Centro da Ilha de Nauru está a Laguna Buada, uma lagoa de água doce pitoresca rodeada por bosques densos de palmeiras. Infelizmente, a água não é adequada para a natação, mas a área é bastante agradável para passear e fazer piquenique.

O interior da ilha pode ser percorrida de carro em pouco menos de meia hora. De bicicleta, a viagem leva cerca de duas a três horas, e os caminhantes podem explorar todo o interior em cerca de seis horas.

Os amantes da História vai deliciar na capital. Existem várias relíquias que sobraram da Segunda Guerra Mundial, em Yaren. Em toda a cidade, você pode encontrar restos de casamatas, armas japonesas e bunkers.

Embora a Ilha de Nauru seja cercada por águas azul-turquesa tentadoras para um mergulho, procure sempre informações antes de se aventurar no mar. Um recife raso rodeia a ilha, e as correntes fortes muitas vezes fazem a natação em águas rasas muito perigosa.

Anibore Harbor
Anibore Harbor
Outras atividades populares em Yaren e Nauru incluem fazer compras na única loja de departamentos da cidade. A pesca esportiva nas águas cristalinas e azuis, nadando até Anibore Harbor e escalar o ponto mais alto da ilha que é o Comando Ridge. O cume foi usado pelos japoneses para vigiar o porto na década de 1940, e você também pode explorar um bunker de comunicação e local onde tem alguns canhões enferrujados da Segunda Guerra Mundial no local.

Os mariscos são muito popular na ilha, e a maioria dos restaurantes oferecem menus de frutos do mar capturados no mesmo dia. A cozinha nacional de Nauru é uma mistura de influências, incluindo a culinária britânica, alemã, chinesa e australiana.

Há apenas um bar público em Nauru, mas está equipado com mesas de bilhar, televisão via satélite e uma estação de DJ. Você não vai encontrar muitas outras pessoas que nele nas noites durante a semana, mas os moradores reunem lá nos fins de semana para dançar, conversar e desfrutar de bebidas nacionais, internacionais e cervejas australianas. Novos rostos são geralmente tem boa acolhida com entusiasmo pela população local, e há muitos nauruanos ansiosos para se misturar com os viajantes.

http://www.klimanaturali.org
http://www.geografiatotal.com.br