As Aventuras de Sherlock Holmes | Arthur Conan Doyle

As Aventuras de Sherlock Holmes | Arthur Conan Doyle

As Aventuras de Sherlock Holmes | Arthur Conan Doyle"Para Sherlock Holmes ela é sempre a mulher. Raras vezes o ouvi mencioná-la de outra maneira. Ele tinha mesmo a idéia de que ela eclipsava e se sobrepunha a todas as outras mulheres, e isto não era porque estivesse apaixonado por Irene Adler. Todas as emoções, particularmente o amor, aborreciam sua mentalidade admiravelmente equilibrada, fria e severa. Creio mesmo que ele era a mais perfeita máquina de raciocinar e observar que o mundo jamais viu, porém como namorado ficaria numa posição falsa. Nunca falava das emoções sentimentais a não ser como pilhéria e com desdém. Achava que era admirável ver isto nos outros e excelente desculpa para cobrir os motivos e ações humanas. Mas, para um calculista como ele, admitir tais intrusões em seu fino, delicado e tão ajustado temperamento, era como introduzir um fator de perturbação que podia criar dúvidas em suas conclusões mentais. Um grão de areia num instrumento delicado ou uma lente rachada não se tornariam mais destrutivos do que uma forte emoção numa natureza domo a sua. Entretanto, havia somente uma mulher para ele e esta mulher era Irene Adler, que fazia revolver sua memória em dúvidas e perguntas diversas."

www.megatimes.com.br

www.klimanaturali.org