Zonas Pilosas, em Biologia

Tags

Zonas Pilosas, em Biologia

Zonas Pilosas, em BiologiaZonas Pilosas, em Biologia, é uma região da raiz das plantas onde se situam os pêlos radiculares responsáveis pela absorção da água e sais minerais que farão parte da seiva bruta. Estão situadas geralmente, acima da zona de distensão, onde a raiz apresenta a maior taxa de crescimento.

Nas plantas, todas as raízes possuem uma zona pilosa, caracterizada por possuir muitos pêlos finos, que têm como função absorver a água que a planta necessita para as suas atividades vitais sem as quais a planta não consegue viver. Esse processo de absorção da água do solo é uma das matérias primas para o processo de fotossíntese das plantas.

A área radicular corresponde a 130 vezes a área da parte aérea da planta e é uma adaptação contra a grande perda de água na forma de vapor - transpiração vegetal. - que ocorre na parte aérea. Quando uma planta é arrancada do solo, perde grande quantidade desses pelos absorventes e de raízes pequenas. Com isso, sua capacidade de absorção, principalmente de água, torna-se reduzida e ela pode morrer desidratada. No replantio algumas das folhas devem ser retiradas para diminuir a superfície de perda de água na forma de vapor enquanto a planta refaz sua zoma pilosa.

O corpo humano também possui zonas pilosas, que são as regiões do corpo cobertas de pelo, como cabeça, sobrancelhas, barba etc.

www.klimanaturali.org