Cultura de Nazca | Peru

Tags

Cultura de Nazca | Peru

Cultura de Nazca | Peru

Enormes desenhos encontrados no deserto litorâneo do Peru, assim como sepulturas e cerâmicas, revelam a existência, num período anterior à civilização inca, da quase desconhecida cultura de Nazca.

Entre 200 a.C e o ano 600 da era cristã, nos vales do litoral sul do Peru, desenvolveu-se a cultura de Nazca. Seus centros mais populosos, como a cidade de Cahuachi, situavam-se no vale de Nazca, de onde se estenderam aos vales de Pisco, Chincha, Ica, Palpa e Acarí. A economia da civilização de Nazca era muito semelhante à de outros povos da costa peruana, que tinham na pesca marítima e sobretudo na agricultura as principais fontes de riqueza. O aperfeiçoamento de técnicas de irrigação e as extensas áreas cultivadas possibilitaram a sobrevivência de numerosa população.

Os habitantes dessa região enterravam os mortos em posição fetal, envoltos em grandes mortalhas, nas sepulturas subterrâneas coletivas em forma de câmaras circulares, às quais se tinha acesso por um buraco. Graças ao clima seco, se conservaram tecidos que revelam a grande habilidade desse povo na arte da tintura, praticada principalmente em algodão, mas também em lã de lhama, alpaca e vicunha.
Entre as mais belas obras artísticas que restaram da cultura Nazca destacam-se os vasos, feitos de barro bem cozido, com fino acabamento, modelagem relativamente simples e pintura de rico colorido. Apresentam em geral fundo branco ou vermelho e pintura em tons de vermelho, laranja, cinza e roxo, com contorno preto. A cerâmica do período primitivo reduz-se a tigelas e jarras com biqueiras duplas e alças simples, enquanto a do período posterior inclui outras formas de vasos, desenhos ricos em detalhes e mesmo efígies moldadas. Animais, pássaros, peixes e plantas são alguns motivos dos desenhos, cuja estilização impede que sirvam de meio para conhecer detalhes da vida cotidiana do povo de Nazca, como ocorreu com a cerâmica mochica, reveladora dos costumes dos índios da costa norte do país.

Nos campos de Nazca, veem-se conjuntos de grandes desenhos feitos em época indeterminada. Escavados na camada superficial de terra e pedra, de cor ocre e castanha, os desenhos deixam à mostra o tom claro das camadas mais profundas. Os sulcos traçados podem ter quilômetros de extensão e representam figuras geométricas e zoomorfas visíveis somente das alturas.

Cultura de Nazca | Peru
Cultura de Nazca | Peru