Autodeterminação dos Povos

Autodeterminação dos Povos

Autodeterminação dos PovosAutodeterminação é o processo pelo qual um grupo de pessoas, geralmente possuidoras de um certo grau de consciência nacionalista, escolhe a melhor forma de governo, formando um estado próprio. O conceito de autodeterminação surgiu como um subproduto da doutrina nacionalista, inicialmente desenvolvida durante as revoluções francesa e americana.

Na primeira guerra mundial, os aliados aceitaram a autodeterminação como um objetivo de paz. Nos Quatorze Pontos - os termos essenciais para a paz - o presidente Woodrow Wilson, dos Estados Unidos, citava a autodeterminação como um dos principais objetivos do mundo no pós-guerra. Isso resultou na fragmentação dos impérios austro-húngaro e otomano, assim como dos países bálticos em grande número de novos estados independentes.

Embora reconhecido pela Liga das Nações, o princípio da autodeterminação só foi claramente definido e confirmado pela Organização das Nações Unidas, organismo que lhe sucedeu. Após a segunda guerra mundial, a promoção da autodeterminação entre os povos tornou-se uma das bandeiras da ONU.

Segundo a carta da ONU, um estado tem direito à autodeterminação no sentido de possuir livre escolha de seus sistemas político, econômico, social e cultural. O direito à autodeterminação é também definido como aquele que assiste ao povo de se constituir num estado ou de determinar livremente a forma de sua associação com um estado já existente.

No que diz respeito aos territórios dependentes, a Carta afirma que as autoridades administrativas devem assegurar o desenvolvimento político e a criação de um governo próprio.

www.klimanaturali.org