O Conde de Monte Cristo | Alexandre Dumas

O Conde de Monte Cristo | Alexandre Dumas

O Conde de Monte Cristo | Alexandre Dumas"O Faraó era um belo veleiro, que vinha de Esmirna com escala por Trieste e Nápoles, e pertencia à casa de Morrel & Filhos, bastante conhecida.

O Sr. Morrel, que se achava entre os curiosos, muito impaciente, resolveu fretar um barco e ir ao encontro do navio que, lentamente, entrava no porto guiado por um piloto da barra.

O marinheiro que dirigia as manobras, um vistoso rapaz de cerca de 19 anos, assim que o viu cumprimentou-o amavelmente.

- Boa tarde, Dantès, respondeu ele. Que sucedeu para que vocês estejam assim com ares de funeral?

- Realmente, Sr. Morrel, sucedeu-nos uma grande desgraça. O nosso querido Capitão Leclère faleceu, durante a viagem, de febre cerebral.

- É verdade?... Que transtorno!... Mas isso é coisa que acontece, caro Dantès; cada qual tem sua hora... E a carga?!...

- Veio em perfeito estado. Parece-me que lhes vai proporcionar bom lucro."

www.megatimes.com.br

www.klimanaturali.org