Literatura Oral - Poesia e Trava Língua

Literatura Oral - Poesia e Trava Língua

Literatura Oral - Poesia e Trava Língua

  Poesia

Além do romance, exemplo de poesia tradicional, outros casos de poesias populares brasileiras são as de seis versos (sextilhas) e as de quatro versos (quadras), estas últimas de maior apelo popular. Entre as principais características dessas poesias estão os versos de sete sílabas (contando-se as sílabas apenas até a última tônica) e a preferência pela rima entre o segundo e quarto verso. Os temas prediletos estão associados ao amor e à mulher, e elas estão presentes nas cantorias e danças populares. Algumas poesias vieram de Portugal e da Espanha, mas existem também as criadas no Brasil, que tratam de temas típicos de determinada região. É caso desta quadra do Sul:

Rita se chama Ritoca,
Sebastião chama Tatão,
Cavalo do andar é pingo,
Mate-amargo é chimarrão

Trava Língua

Trava Língua

É um tipo de brincadeira oral de frases curtas estruturada de tal maneira que sua pronúncia se torna difícil. O desafio está em reproduzi-la rapidamente. Aquele que gaguejar ou vacilar no ritmo, na realização das sílabas ou na pronúncia certa, perde o desafio. Os trava-línguas são universais, e a maior parte do repertório presente no Brasil veio de Portugal. Pelo trava-língua, o povo explora os vícios ou problemas de pronúncia, além de exercitar a memorização. 

Literatura Total