Ensino a Distância

Ensino a Distância

Ensino a Distância
Ensino a distância é o método de instrução na qual a comunicação entre o aluno e o professor ocorre de forma indireta, mediante a combinação de textos impressos, meios eletrônicos e outras técnicas. Ao contrário do ensino convencional, a atuação do professor e do aluno está separada no tempo e no espaço. O ensino a distância, que pode abranger a instrução em todos os níveis, utiliza basicamente as redes convencionais de comunicações - correio, rádio, televisão (via satélites) - para a transmissão de cursos, com textos e exercícios preparados por equipes de professores. Depois de fazer os exercícios, os alunos os enviam pelo correio aos instrutores; uma vez corrigidos, eles são devolvidos com anotações e notas de avaliação.

Adotado por países de todo o mundo, o ensino a distância divulga e democratiza o conhecimento, utilizando avançadas tecnologias de comunicação.

A grande abrangência desses cursos torna-os instrumento valioso para o aperfeiçoamento do nível escolar das populações urbanas e rurais e para a democratização do conhecimento. Em muitos casos, o ensino a distância é o único recurso à disposição daqueles que não têm condições de freqüentar as escolas convencionais.

Como sistema organizado, o método nasceu em meados do século XIX nos Estados Unidos e na Europa e oferecia pelo correio cursos de datilografia, taquigrafia, línguas estrangeiras e de aprimoramento da instrução de adultos. Com o advento do rádio e da televisão, os cursos a distância difundiram-se e diversificaram-se em diversos países. Na Inglaterra, a Open University funciona desde 1971; a Espanha tem a Universidade Nacional a distância e Lisboa a Universidade Aberta, fundada em 1989.

O Brasil possui infra-estrutura tecnológica para o estabelecimento de projetos de ensino a distância, mas em fins do século XX ainda não fazia pleno uso desse potencial.

www.klimanaturali.org