Tênis de Mesa, História e Regras do Tênis de Mesa

Tags

Tênis de Mesa, História e Regras do Tênis de Mesa

Tênis de Mesa, História e Regras do Tênis de MesaTênis de mesa é um esporte no qual duas ou quatro pessoas -- conforme as partidas sejam individuais ou de duplas -- empregam pequenas raquetes para golpear uma bola contra uma mesa, dividida em duas partes iguais por uma rede. O objetivo é fazer a bola passar sobre a rede e atingir o outro lado da mesa, para que o adversário não a possa alcançar ou devolver de forma correta.

Por exigir pouco espaço e equipamento, o tênis de mesa pode ser praticado como entretenimento familiar e social -- característica que o transformou num dos esportes com maior número de praticantes.

RegrasSegundo as normas estabelecidas pela Federação Internacional de Tênis de Mesa, fundada em 1926, a mesa, retangular, plana e de material duro, deve ter 2,7m de comprimento por 1,5m de largura e estar a 76cm de altura do solo. A rede mede 1,8m de comprimento e é estendida de tal forma que sua borda superior fique a 15cm da mesa. A bola, fabricada em celulóide ou plástico e com 3,8cm de diâmetro, é impulsionada por raquetes de madeira, em geral recobertas por materiais sintéticos ou cortiça, que proporcionam melhor controle da bola.

A partida, que costuma ser disputada em melhor de três jogos, é iniciada pelo jogador que saca. Ele golpeia a bola, de trás de seu lado da mesa, de maneira que ela toque primeiro em sua metade da mesa, passe por cima da rede e bata no campo do adversário. Após o saque, os jogadores têm que fazer com que a bola atinja o campo do adversário logo depois de tocar uma vez em seu próprio campo. Se a partida é de duplas, os companheiros alternam suas batidas. O saque muda de lado a cada cinco pontos, e ganha o jogo o primeiro jogador ou a primeira dupla a obter 21 pontos. Caso os adversários empatem em vinte pontos, um deles precisa alcançar dois pontos de vantagem para se sagrar vitorioso.

Apesar da aparência simples do jogo, a prática competitiva do tênis de mesa exige um perfeito condicionamento físico e um notável domínio técnico. Como mero entretenimento, no entanto, pode ser disputado por pessoas de todas as idades e representa uma forma amena de exercício corporal.

História O jogo remonta ao início do século XX, quando foi criado no Reino Unido como uma variante do tênis, sob nome comercial de Ping-Pong (termo onomatopaico baseado no som da batida da raquete na bola e desta na mesa). O primeiro campeonato mundial se realizou em Londres, em 1927. A partir de então, jogadores da Europa central, principalmente húngaros e tchecoslovacos, dominaram o esporte. Na década de 1950, assistiu-se à ascensão dos japoneses e chineses na disputa pelos primeiros lugares.

Na América do Sul, o tênis de mesa teve bastante aceitação após a primeira guerra mundial. Sua popularidade cresceu a ponto de ser disputado, a partir de 1943, o campeonato sul-americano de tênis de mesa. Apesar da supremacia brasileira entre os países do continente, o tênis de mesa só ganhou maior impulso no Brasil a partir de 1959, quando Dagoberto Midosi ganhou o título mundial de veteranos. Essa projeção do esporte teve seu ponto culminante na vitória do jovem Biriba, em 1961, no campeonato mundial de Pequim (Beijing), sobre o chinês Jung Kuo-tan, então campeão mundial. 

Tênis de mesa

www.klimanaturali.org