Literatura

Literatura

  1. A Abóbada |  Alexandre Herculano
  2. A Arrogância dos Mortos | Kenzaburo Oe
  3. A Bagaceira | José Américo de Almeida
  4. A Bicicleta Azul | Régine Deforges
  5. A Confissão | Guy De Maupassant
  6. A Capital | Eça de Queirós
  7. A Carne | Júlio Ribeiro
  8. A Carta | Pero Vaz de Caminha
  9. A Cartomante | Machado de Assis
  10. A Casa da Madrinha | Lygia Bojunga Nunes
  11. A Casa dos Espíritos | Isabel Allende
  12. A Cidade Antiga | Fustel de Coulanges
  13. A Cidade e as Serras | Eça de Queirós
  14. A Confissão de Lúcio | Mário de Sá Carneiro
  15. A Construção da Personagem | Constantin Stanislávski
  16. A Crônica da Casa Assassinada | Lúcio Cardoso
  17. A Convidada | Simone de Beauvoir
  18. A Diana | Jorge de Montemor
  19. A Divina Comédia | Dante Alighieri
  20. A Divina Comédia | Dante Alighieri
  21. A Droga da Obediência | Pedro Bandeira
  22. A Educação Pela Pedra | João Cabral de Melo Neto
  23. A Enguia | Eugênio Montale
  24. A Estrela da Manhã | Manuel Bandeira
  25. A Ética Protestante | Max Weber
  26. A Exilada | Pearl S. Buck
  27. A Experimentação de Contos Novos | Mário de Andrade
  28. A Faca de Dois Gumes | Fernando Sabino
  29. A Farsa de Inês Pereira | Gil Vicente
  30. A Ferro e Fogo | Josué Guimarães
  31. A Ferrovia do Diabo | Manoel Rodrigues Ferreira
  32. A Friagem | Augusta Faro
  33. A Função Social da Guerra na Sociedade Tupinambá | Florestan Fernandes
  34. A Grande Arte | José Rubem Fonseca
  35. A Guerra dos Mascates | José de Alencar
  36. A História da Revolução Russa | Leon Trótsky
  37. A Hora da Estrela | Clarice Lispector
  38. A Hora e a Vez de Augusto Matraga | Guimarães Rosa
  39. À Ilha Maré | Manuel Botelho de Oliveira
  40. A Ilustre Casa de Ramires | Eça de Queirós
  41. A Intrusa | Júlia Lopes de Almeida
  42. A Lanterna na Popa | Roberto Campos
  43. A Lista de Alice | Herbert de Souza
  44. A Loucura de Elbehnon (Igitur) | Stéphane Mallarmé
  45. A Luneta Mágica | Joaquim Manuel Macedo
  46. A Majestade do Xingu | Moacyr Scliar
  47. A Mão e a Luva | Machado de Assis
  48. A Marcha Para o Oeste | Cláudio e Orlando Villas Boas
  49. A Menina Morta | Cornélio Pena
  50. A Menina Morta | Cornélio Pena
  51. A Montanha Encantada | Maria José Dupré
  52. A Montanha Mágica | Thomas Mann
  53. A Moratória | Jorge de Andrade
  54. A Moratória | Jorge Andrade
  55. A Morgadinha dos Canaviais | Júlio Dinis
  56. A Mortalha de Alzira | Aluísio de Azevedo
  57. A Morte de Virgílio | Herman Broch
  58. A Morte do Lidador | Alexandre Herculano
  59. A Morte e a Morte de Quincas Berro d'Água | Jorge Amado
  60. A Natureza das Coisas | Lucrécio
  61. A Nova Califórnia | Lima Barreto
  62. A Obra de Arte em Sua Época de Reprodutibilidade | Walter Benjamin
  63. A Origem da Família, da Propriedade e do Estado | Friedrich Engels
  64. A Paixão Segundo G.H. | Clarice Lispector
  65. A Pata da Gazela | José de Alencar
  66. A Relíquia | Eça de Queirós
  67. A República | Platão
  68. A Revolução dos Bichos | George Orwell
  69. A Rosa do Povo | Carlos Drummond de Andrade
  70. A Sibila | Agustina Bessa-Luis
  71. A Teus Pés | Ana Cristina César
  72. A Torre de Caim | Rebelo da Silva
  73. A Velhice do Padre Eterno | Guerra Junqueiro
  74. A Vida é Sonho | Pedro Calderón de la Barca
  75. A Viuvinha | José de Alencar
  76. A Viuvinha | José de Alencar
  77. A Volta ao Mundo em 80 Dias | Julio Verne
  78. A Volta do Filho Pródigo | André Gide
  79. Acróstico e Curiosidades Verbais
  80. Admirável Mundo Louco | Ruth Rocha
  81. Admirável Mundo Novo | Aldous Huxley
  82. Agosto | Rubem Fonseca
  83. Ai de Ti, Copacabana | Rubem Braga
  84. Alguma Poesia | Carlos Drummond de Andrade
  85. Alice no País da Maravilhas | Lewis Carroll
  86. Alves & Cia | Eça de Queirós
  87. Amar se Aprende Amando | Carlos Drummond de Andrade
  88. Amar, Verbo Intransitivo | Mário de Andrade
  89. Amor de Capitu | Fernando Sabino
  90. Amor de Perdição | Camilo Castelo Branco
  91. Amor de Salvação | Camilo Castelo Branco
  92. Amor por Anexins | Artur de Azevedo
  93. Anão de Jardim | Lygia Fagundes Telles
  94. Ana Terra | Érico Veríssimo
  95. Anábase VII | Saint-John Perse
  96. Angústia | Graciliano Ramos
  97. Aniversário | Álvaro de Campos
  98. Antigo Inverno | Salvatore Quasimodo
  99. Antologia Poética | Vladimir Maiakovski
  100. Antologia "Seleção de Flores"
  101. Antropofagia e Literatura
  102. Aos Governadores do Mundo | Gregório de Matos
  103. Apologia de Sócrates | Platão
  104. Aquarela do Brasil | Ary Barroso
  105. Arcadismo, Definição e Começos da Arcádia
  106. Arcadismo no Brasil
  107. Arte Barroca, Tendência nas Artes Plásticas 
  108. As Aventuras de Sherlock Holmes | Arthur Conan Doyle
  109. As Aventuras de Tom Sawyer | Mark Twain
  110. As Catilinárias | Cícero
  111. As Cidades Invisíveis | Italo Calvino
  112. As Flores do Mal | Charles Baudelaire
  113. As Forças Armadas | Heráclito Fontoura Sobral Pinto
  114. As Horas Nuas | Lygia Fagundes Telles
  115. As Ilusões Perdidas | Honoré de Balzac
  116. As Mamas de Tirésias | Guillaume Apollinaire
  117. As Mil e Uma Noites
  118. As Meninas | Lygia Fagundes Telles
  119. As Noites das Grandes Fogueiras | Domingos Meirelles
  120. As Nuvens | Aristófanes
  121. As Origens do Totalitarismo | Hannah Arendt
  122. As Pupílas do Senhor Reitor | Júlio Diniz
  123. As Regras do Método Sociológico | Émile Durkheim
  124. As Relações Perigosas | Chordelos de Laclos
  125. As Três Irmãs | Antón Tchékhov
  126. As Viagens de Gulliver | Jonathan Swift
  127. Assassinato no Expresso Oriente | Agatha Christie
  128. Assim Falou Zaratustra | Friedrich Nietzsche
  129. Aulularia | Plauto
  130. Aurélia | Gérard de Nerval
  131. Auto da Alma | Gil Vicente
  132. Auto da Barca do Inferno | Gil Vicente
  133. Auto da Compadecida | Ariano Suassuna
  134. Autores Brasileiros
  135. Aventuras de Diófanes | Tereza Margarida da Silva e Orta
  136. Babbitt | Sinclair Lewis
  137. Bandoleiros | João Gilberto Noll
  138. Bangüê | José Lins do Rego
  139. Barroco, Conceito e Origem do Barroco
  140. Beat Generation | Movimento Literário da Década de 1950
  141. Beethoven | Maynard Solomon
  142. Beowulf (Literatura Anglo-Saxônica)
  143. Bestiário (Literatura Medieval)
  144. Biografia Literária | Samuel Coleridge
  145. Boca do Inferno | Ana Miranda
  146. Boêmios Errantes | John Steinbeck
  147. Bola de Sebo | Guy de Maupassant
  148. Bom-Crioulo | Adolfo Caminha
  149. Brás, Bexiga e Barra Funda | Antônio de Alcântara Machado
  150. Bufo & Spallanzani | Rubem Fonseca
  151. Burguesia Lisboeta | Eça de Queirós
  152. Caçadas de Pedrinho | Monteiro Lobato
  153. Caetés | Graciliano Ramos
  154. Calabar, o Elogio da Traição | Chico Buarque e Ruy Guerra
  155. Camilo Mortágua | Josué Guimarães
  156. Caminhos Cruzados | Érico Veríssimo
  157. Caminhos no Gelo | Werner Herzog
  158. Camões | Joaquim Nabuco
  159. Campo Geral | Guimarães Rosa
  160. Canaã | Graça Aranha
  161. Canção do Exílio | Gonçalves Dias
  162. Cancioneiro | Fernando Pessoa
  163. Cândido | Voltaire
  164. Caniços ao Vento | Grazia Deledda
  165. Cantiga de Amigo | Dom Diniz
  166. Cantos de Ezra Pound | Ezra Pound
  167. Cantos de Maldoror | Conde de Lautréamont
  168. Capitães de Areia | Jorge Amado
  169. Caramuru | Santa Rita Durão
  170. Carisma e Poder | Leonardo Boff
  171. Cartas Chilenas | Tomás Antônio Gonzaga
  172. Cartas Portuguesas | Mariana Alcofarado
  173. Casa de Bonecas | Henrik Ibsen
  174. Casa de Pensão | Aluísio Azevedo
  175. Casa-Grande e Senzala | Gilberto Freyre
  176. Cascata de Cuspe | João Carlos Marinho
  177. Casos do Romualdo | Simões Lopes Neto
  178. Catar Feijão | João Cabral de Melo Neto
  179. Cem Anos de Solidão | Gabriel García Márquez
  180. Cem Dias entre o Céu e o Mar | Amyr Klink
  181. Chatô, O Rei do Brasil | Fernando Morais
  182. Cidades Mortas | Monteiro Lobato
  183. Cinco Minutos | José de Alencar
  184. Círios | Constantín Caváfis
  185. Clara dos Anjos | Lima Barreto
  186. Clarissa | Érico Veríssimo
  187. Classicismo, Tendência Artística e Literária
  188. Cobra Norato | Raul Bopp
  189. Comédia de Costumes | Martins Pena
  190. Concerto Campestre | Assis Brasil
  191. Conto de Natal | Guy De Maupassant
  192. Contos | Johannes V. Jensen
  193. Contos Gauchescos | Simões Lopes Neto
  194. Contos Novos | Mário de Andrade
  195. Contribuição à Critica Política | Karl Marx
  196. Convergência | Murilo Mendes
  197. Conversa na Catedral | Mario Vargas Llosa
  198. Cora Coralina
  199. Coração, Cabeça e Estômago | Camilo Castelo Branco
  200. Crime e Castigo | Fiódor Dostoiévski
  201. Crônica da Casa Assassinada | Lúcio Cardoso
  202. Cyrano de Bergerac | Edmond Rostand
  203. Darandina | Guimarães Rosa
  204. David Copperfield | Charles Dickens
  205. Definição de Poesia | Guilherme de Almeida
  206. Desidéria | Alberto Moravia
  207. Diálogo dos Mortos | Luciano
  208. Diálogo Entre d'Alambert e Diderot | Denis Diderot
  209. Diógenes Laertius
  210. Discurso do Método | René Descartes
  211. Discurso Histórico Sobre Literatura | Gonçalves de Magalhães
  212. Discurso Sobre o Espírito Positivo | Auguste Comte
  213. Distraídos Venceremos | Paulo Leminski
  214. Diva | José de Alencar
  215. Do Espirito das Leis | Montesquieu
  216. Doidinho | José Lins do Rego
  217. Dois Irmãos | Milton Hatoum
  218. Dois Parlamentos | João Cabral de Melo Neto
  219. Dois Perdidos em uma Noite Suja | Plínio Marcos
  220. Dona Flor e seus Dois Maridos | Jorge Amado
  221. Doutor Jivago | Boris Pasternak
  222. Drama na Literatura
  223. Dupla Chama | Octavio Paz
  224. Édipo Rei | Sófocles
  225. Elegias de Duino | Rainer Maria Rilke
  226. Eles Não Usam Black-Tie | Gianfrancesco Guarnieri
  227. Em Busca de Um Teatro Pobre | Jerzy Grotowski
  228. Em Busca do Tempo Perdido | Marcel Proust
  229. Emílio | Jean-Jacques Rousseau
  230. Encontro em Hong Kong | Alain Robbe-Grillet
  231. Encontro Marcado | Fernando Sabino
  232. Eneida | Virgílio
  233. Ensaio sobre o Entendimento humano | John Locke
  234. Eros e Civilização | Herbert Marcuse
  235. Esaú e Jacó | Machado de Assis
  236. Esboço de Psicanálise | Sigmund Freud
  237. Esperando Godot | Samuel Beckett
  238. Essa Negra Fulô | Jorge de Lima
  239. Estrela Solitária | Ruy Castro
  240. Ética e Política na Sociedade Humana | Bertrand Russell
  241. Eu | Augusto dos Anjos
  242. Fábulas | La Fontaine
  243. Farsa de Inês Pereira | Gil Vicente
  244. Farsa de Inês Pereira | Gil Vicente
  245. Fausto | Goethe
  246. Fedra | Jean-Baptiste Racine
  247. Felicidade Clandestina | Clarice Lispector
  248. Feliz Ano Novo | Rubem Fonseca
  249. Ficção Científica (Gênero Literário)
  250. Formação Econômica do Brasil | Celso Furtado
  251. Galo-das-Trevas | Pedro Nava
  252. Galvez, O Imperador do Acre | Márcio Souza
  253. Gargantua e Pantagruel | François Rabelais
  254. Geopolítica do Brasil | Golbery do Couto e Silva
  255. Geraldo | Augusto de Campos
  256. Germinal | Emile Zola
  257. Grande Sertão: Veredas | Guimarães Rosa
  258. Gregório de Matos
  259. Guerra e Paz | Leon Tolstói
  260. Hamlet | William Shakespeare
  261. Harpa de Ouro | Sousândrade
  262. Helena | Machado de Assis
  263. Helena | Machado de Assis
  264. História Secreta de Isabel | Marquês de Sade
  265. Histórias do Himmerland | Johannes V. Jensen
  266. Histórias Sem Data | Machado de Assis
  267. Histórias Sem Data | Machado de Assis
  268. I-Juca Pirama | Gonçalves Dias
  269. Ideias de Jeca Tatu | Monteiro Lobato
  270. Ideias para a Sociologia da Música | Theodor Adorno
  271. Incidente em Antares | Érico Veríssimo
  272. Inflação e Deflação | John Maynard Keynes
  273. Inocência | Visconde de Taunay
  274. Intensa Magia | Maria Adelaide Amaral
  275. Invenção de Orfeu | Jorge de Lima
  276. Itinerário de Pásargada | Manuel Bandeira
  277. Jangada de Pedra | José Saramago
  278. José de Alencar
  279. Juramento de Hipócrates
  280. Laços de Família | Clarice Lispector
  281. Lavoura Arcaica | Raduan Nassar
  282. Lembrança de Morrer | Álvares de Azevedo
  283. Lendas do Sul | Simões Lopes Neto
  284. Liberdade de Imprensa | Líbero Badaró
  285. Libertinagem | Manuel Bandeira
  286. Língua e Literatura | Mário de Sá Carneiro
  287. Lira dos Vinte Anos | Álvares de Azevedo
  288. Literatura
  289. Literatura Anônima
  290. Literatura: História Cultural da Literatura
  291. Literatura Belga
  292. Literatura Brasileira
  293. Literatura Brasileira
  294. Literatura Britânica
  295. Literatura da África Negra
  296. Literatura da Austrália e Nova Zelândia 
  297. Literatura de Capa e Espada
  298. Literatura de Cordel
  299. Literatura Fantástica
  300. Literatura Infantil | Érico Veríssimo
  301. Literatura Latina
  302. Literatura no Brasil | Cronologia
  303. Literatura Oral | Poesia
  304. Literatura Oral - Poesia e Trava Língua
  305. Literatura Oral | Romance
  306. Literatura Oral | Trava Língua
  307. Literatura Turca
  308. Livro Sobre o Nada | Manuel de Barros
  309. Lolita | Vladímir Nabókov
  310. Lucíola | José de Alencar
  311. Luís de Gôngora y Argote
  312. Luzia-Homem | Domingos Olímpio
  313. Macário | Álvares de Azevedo
  314. Macunaíma | Mário de Andrade
  315. Madame Bovary | Gustave Flaubert
  316. Madame Pommery | Hilário Tácito
  317. Mais Provençais | Arnaut Daniel e Raimbaut d'Aurenga
  318. Mal Secreto | Raimundo Correia
  319. Manhã Transfigurada | Luís Antônio de Assis Brasil
  320. Manifesto Antropófago | Oswald de Andrade
  321. Manifesto da Poesia Concreta | Augusto de Campos
  322. Manifesto da Poesia Pau-Brasil | Oswald de Andrade
  323. Manifesto Futurista | Filippo Marinetti
  324. Manifesto Surrealista | André Breton
  325. Manuel Maria Barbosa du Bocage
  326. Manuelzão e Miguilim | João Guimarães Rosa
  327. Mapinguari | Raquel de Queiroz
  328. Maria Moisés | Camilo Castelo Branco
  329. Marília de Dirceu | Tomás Antônio Gonzaga
  330. Martim Cererê | Cassiano Ricardo
  331. Martini Seco | Fernando Sabino
  332. Massa e Poder | Elias Canetti
  333. Memorando ao Marquês de Olinda ao Marquês de Olinda por João Caetano
  334. Memorial de Aires | Machado de Assis
  335. Memorial do Convento | José Saramago
  336. Memórias da Rua do Ouvidor | Joaquim Manuel de Macedo
  337. Memórias de um Sargento de Milícias | Manuel Antônio de Almeida
  338. Memórias do Cárcere | Graciliano Ramos
  339. Memórias Póstumas de Brás Cubas | Machado de Assis
  340. Memórias Sentimentais de João Miramar | Oswald de Andrade
  341. Memórias, Sonhos e Reflexões | Carl Gustav Jung
  342. Menino de Engênho | José Lins do Rêgo
  343. Menos que Um | Joseph Brodsky
  344. Mensagem | Fernando Pessoa
  345. Meu Último Suspiro | Luis Buñuel
  346. Minha Formação | Joaquim Nabuco
  347. Minha Vida e Minhas Experiências com a Verdade | Mahatma Gandhi
  348. Moby Dick | Herman Melville
  349. Moralidades (Literatura)
  350. Morte Acidental de um Anarquista | Dario Fo
  351. Morte do Caixeiro Viajante | Arthur Miller
  352. Morte e Vida Severina | João Cabral de Melo Neto
  353. Murmúrios da Morte Celestial | Walt Whitman
  354. Música ao Longe | Érico Veríssimo
  355. Música do Parnaso | Manuel Botelho de Oliveira
  356. Natal | Fernando Pessoa
  357. Naturalismo - Tendência das Artes Plásticas, Literatura e Teatro do Século XIX
  358. Negrinha | Monteiro Lobato
  359. Negrinho do Pastoreio
  360. Neorrealismo, Movimento Literário da Década de 1920
  361. No Moinho | Éça de Queiroz
  362. No Tempo das Tangerinas | Urda Alice Klueger
  363. Noites da Mil e Uma Noites | Naguib Mahfouz
  364. Noite de Almirante | Machado de Assis
  365. Noite na Taverna | Álvares de Azevedo
  366. O Abolicionismo | Joaquim Nabuco
  367. O Achado | Guy De Maupassant
  368. O Alcaíde de Satarém | Alexandre Herculano
  369. O Aleph | Jorge Luis Borges
  370. O Alienista | Machado de Assis
  371. O Amanuense Belmiro | Cyro dos Anjos
  372. O Anjo do Quarto Dia | Érico Veríssimo
  373. O Ar de Um Dia | Giorgo Seferis
  374. O Fiel e a Pedra | Osman Lins
  375. O Adhemarista | Marcos Rey
  376. O Amante | Marguerite Duras
  377. O Analista de Bagé | Luís Fernando Veríssimo
  378. O Apanhador nos Campos de Centeio | Jerome David Salinger
  379. O Ateneu | Raul Pompéia
  380. O Auto da Ingratidão | José de Anchieta
  381. O Auto de São Lourenço | José de Anchieta
  382. O Bem Amado | Dias Gomes
  383. O Boi | Giosuè Carducci
  384. O Bom Crioulo | Adolfo Caminha
  385. O Burguês Fidalgo | Molière
  386. O Cabeleira | Franklin Távora
  387. O Cancioneiro | Francesco Petrarca
  388. O Castelo de Faria | Alexandre Herculano
  389. O Cemitério dos Vivos | Lima Barreto
  390. O Cemitério Marinho | Paul Valéry
  391. O Chalaça | José Roberto Torero
  392. O Cheiro de Deus | Roberto Drummond
  393. O Colecionador de Coitos Eventuais | Camilo José Cela
  394. O Conde de Monte Cristo | Alexandre Dumas
  395. O Convidado | Murilo Rubião
  396. O Coronel e o Lobisomem | José Cândido de Carvalho
  397. O Cortiço | Aluísio de Azevedo
  398. O Crime de Lord Arthur Savile | Oscar Wilde
  399. O Crime de Sylvestre Bonnard | Anatole France
  400. O Crime do Padre Amaro | Eça de Queiroz
  401. O Diabo e o Bom Deus | Jean-Paul Sartre
  402. O Elefante | Carlos Drummond de Andrade
  403. O Encontro Marcado | Fernando Sabino
  404. O Ermitão de Muquém | Bernardo Guimarães
  405. O Escravocrata | Artur Azevedo
  406. O Estrangeiro | Albert Camus
  407. O Evangelho Segundo Jesus Cristo | José Saramago
  408. O Exército de um Homem Só | Moacyr Scliar
  409. O Faroleiro | Henryk Sienkiewicz
  410. O Feijão e o Sonho | Orígenes Lessa
  411. O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá | Jorge Amado
  412. O Gaúcho | José de Alencar
  413. O Grande Gatsby | Francis Scott Fitzgerald
  414. O Grande Mentecapto | Fernando Sabino
  415. O Guarani | José de Alencar
  416. O Guardador de Rebanhos | Fernando Pessoa
  417. O Homem da Mão Seca | Adélia Prado
  418. O Homem do Furo na Mão e outras Histórias | Ignácio de Loyola Brandão
  419. O Homem que Calculava | Malba Tahan
  420. O Iluminismo
  421. O Jardineiro do Rei | Rabindranath Tagore
  422. O Jogo da Amarelinha | Julio Cortázar
  423. O Juca Mulato | Menotti Del Picchia
  424. O Juiz de Paz da Roça | Martins Pena
  425. O Livro do Amor | Marsilio Ficino
  426. O Livro do Jângal | Rudyard Kipling
  427. O Manifesto Comunista | Karl Marx e Friedrich Engels
  428. O Mistério do Cinco Estrelas | Marcos Rey
  429. O Moço Loiro | Joaquim Manuel de Macedo
  430. O Monge de Cister | Alexandre Herculano
  431. O Mulato | Aluísio de Azevedo
  432. O Mundo de Sofia | Jostein Gaarder
  433. O Navio Negreiro | Castro Alves
  434. O Noviço | Martins Pena
  435. O Nome da Rosa | Umberto Eco
  436. O Paraíso Perdido | John Milton
  437. O Pássaro Azul | Maurice Maeterlinck
  438. O Poço e o Pêndulo | Edgar Allan Poe
  439. O Ponto de Mudança | Peter Brook
  440. O Primo Basílio | Eça de Queiróz
  441. O Príncipe | Nicolau Maquiavel
  442. O Princípio da Identidade | Martin Heidegger
  443. O Processo | Franz Kafka
  444. O Quinze | Rachel de Queiroz
  445. O Rei da Vela | Oswald de Andrade
  446. O Rei da Vela | Oswald de Andrade
  447. O Resto é Silêncio | Érico Veríssimo
  448. O Rinoceronte | Eugène Ionesco
  449. O Rio | João Cabral de Melo Neto
  450. O Risco do Bordado | Autran Dourado
  451. O Século do Corno | Francisco de Quevedo y Villegas
  452. O Segundo Sexo | Simone de Beauvoir
  453. O Seminarista | Bernardo Guimarães
  454. O Senhor das Moscas | William Golding
  455. O Senhor Embaixador | Érico Verissimo
  456. O Sentimento do Mundo | Carlos Drummond de Andrade
  457. O Sentimento dum Ocidental | Cesário Verde
  458. O Sertanejo | José de Alencar
  459. O Sistema da Natureza | Barão de Holbach
  460. O Sol também se Levanta | Ernest Hemingway
  461. O Sorriso do Lagarto | João Ubaldo Ribeiro
  462. O Teatro da Crueldade | Antonin Artaud
  463. O Tempo e o Vento | Érico Veríssimo
  464. O Tronco do Ipê | José de Alencar
  465. O Túnel | Ernesto Sabato
  466. O Uruguai | Basílio da Gama
  467. O Vampiro de Curitiba | Dalton Trevisan
  468. Ocelot | Miguel Ángel Asturias
  469. Ode | Fernando Pessoa
  470. Ode Sobre a Indolência | John Keats
  471. Odisseia | Homero
  472. Oeuvres Poétiques Complètes | Paul Verlaine
  473. Olga | Fernando Morais
  474. Omeros | Derek Walcott
  475. Orlando | Virginia Woolf
  476. Os Desastres de Sofia | Clarice Lispector
  477. Os Desgarrados | William Faulkner
  478. Os Interesses Criadores | Jacinto Benavente
  479. Os Irmãos Karamazov | Dostoievski
  480. Os Maias | Eça de Queiroz
  481. Os Melhores Contos | Rubem Braga
  482. Os Melhores Poemas | José Paulo Paes
  483. Os Miseráveis | Victor Hugo
  484. Os Papéis do Coronel | Harry Laus
  485. Os Ratos | Dyonélio Machado
  486. Os Robôs do Amanhecer | Isaac Asimov
  487. Os Sertões | Euclides da Cunha
  488. Os Timbiras | Gonçalves Dias
  489. Os Trabalhos e os Dias | Hesíodo
  490. Os Velhos Marinheiros | Jorge Amado
  491. Pablo Neruda
  492. Pacote de Contos | Machado de Assis
  493. Páginas Recolhidas | Machado de Assis
  494. Papéis Avulsos | Machado de Assis
  495. Para se Fazer um Poema Dadaísta | Tristan Tzara
  496. Paradiso | José Lezama Lima
  497. Pareceres do Tempo | Herberto Sales
  498. Passaporte sem Carimbo | Antônio Callado
  499. Pau-Brasil | Oswald de Andrade
  500. Pé na Estrada (On The Road) | Jack Kerouac
  501. Pedagogia do Oprimido | Paulo Freire
  502. Pedro Páramo | Juan Rulfo
  503. Pequena Crônica | Anna Magdalena Bach
  504. Perto do Coração Selvagem | Clarice Lispector
  505. Pigmalião | Bernard Shaw
  506. Platero e Eu | Juan Ramon Jimenez
  507. Poema a Lésbia | Catulo
  508. Poema Concreto | Décio Pignatari
  509. Poema de Sete Faces | Carlos Drummond de Andrade
  510. Poemas 1966 - 1987 | Seamus Heaney
  511. Poemas | E.E. Cummings
  512. Poemas | Emily Dickinson
  513. Poemas Sujo | Ferreira Gullar
  514. Poesia Atemporal | Manuel Bandeira
  515. Poesia-Experiência | William Butler Yeats
  516. Poesia Século XIX | Lord Byron
  517. Poesia Século XIX | Walter Scott
  518. Poesias Escolhidas | Gabriela Mistral
  519. Poeta dos Escravos | Castro Alves
  520. Por Quem os Sinos Dobram | Ernest Hemingway
  521. Portugal | Miguel Torga
  522. Pré-Modernismo
  523. Primeiras Estórias | Guimarães Rosa
  524. Princípios da Administração Científica | Frederick Taylor
  525. Problemas de Psicologia Genética | Jean Piaget
  526. Programa da Sociedade Revolucionar | Mikhail Bakúnin
  527. Prometeu Acorrentado | Ésquilo
  528. Prosopopéia | Bento Teixeira Pinto
  529. Quarup | Antônio Calado
  530. Quase Memórias, Quase Romance | Carlos Heitor Cony
  531. Que é Esclarecimento? | Immanuel Kant
  532. Quem casa, Quer casa | Martins Pena
  533. Quincas Borba | Machado de Assis
  534. Raízes do Brasil | Sérgio Buarque de Holanda
  535. Rasga Coração | Oduvaldo Vianna Filho
  536. Recordações do Escrivão Isaías Caminha | Lima Barreto
  537. Ressurreição | Menotti del Picchia
  538. Riqueza das Nações | Adam Smith
  539. Ritmo de Outono | Federico García Lorca
  540. Romance | Evolução  Histórica do Romance Como Gênero Literário
  541. Romance | Arthur Rimbaud
  542. Romance Histórico
  543. Romance Sertanejo ou Regionalista
  544. Romanceiro, Composições Poéticas do Folclore Espanhol
  545. Romanceiro da Inconfidência | Cecília Meireles
  546. Romantismo
  547. Romantismo no Brasil
  548. Rua dos Cataventos | Mário Quintana
  549. Saga | Érico Veríssimo
  550. Sagarana | Guimarães Rosa
  551. São Bernardo | Graciliano Ramos
  552. Satiricon | Petrônio
  553. Seis Personagens à Procura de Um Autor | Luigi Pirandello
  554. Senhora | José de Alencar
  555. Senhorita Júlia | August Strindberg
  556. Serafim Ponte Grande | Oswald Andrade
  557. Serenada | Alphonsus de Guimaraens
  558. Sermão da Sexagésima | Padre Antônio Vieira
  559. Sermão da Sexagésima | Padre Antônio Vieira
  560. Sidarta | Hermann Hesse
  561. Sinfonias do Acaso | João da Cruz e Sousa
  562. Sob o Vulcão | Malcolm Lowry
  563. Solo de Clarineta | Érico Veríssimo
  564. Soneto | Cláudio Manuel da Costa
  565. Soneto | Luís Vaz de Camões
  566. Soneto de Separação | Vinicius de Moraes
  567. Sonetos | Basílio da Gama
  568. Sonetos | Luís de Camões
  569. Sorrisos Meio Sacanas | Sergio da Costa Ramos
  570. Suje-se Gordo! | Machado de Assis
  571. Súmula Contra os Gentios | Tomás de Aquino
  572. Tarde da Noite | Luiz Vilela
  573. Tempo da Camisolinha | Mário de Andrade
  574. Teoria Tradicional e Teoria Teórica | Max Horkheimer
  575. Tereza Batista Cansada de Guerra | Jorge Amado
  576. Terras do sem Fim | Jorge Amado
  577. The Dry Salvages | T.S. Eliot
  578. Tieta do Agreste | Jorge Amado
  579. Tópicos | Aristóteles
  580. Tutaméia | João Guimarães Rosa
  581. Tratado da Terra do Brasil | Pero de Magalhães
  582. Tristão e Isolda
  583. Tristão e Isolda
  584. Triste Fim de Policarpo Quaresma | Lima Barreto
  585. Tristes Trópicos | Claude Lévi-Strauss
  586. Trópico de Capricórnio | Henry Miller
  587. Ubirajara | José de Alencar
  588. Ulisses | James Joyce
  589. Última Corrida de Touros em Salvaterra | Rebelo da Silva
  590. Últimos Sonetos | Cruz e Souza
  591. Um Apólogo | Machado de Assis
  592. Um Bonde Chamado Desejo | Tennessee Williams
  593. Um Bravo, O Visconde de Signoles | Guy De Maupassant
  594. Um Copo de Cólera | Raduan Nassar
  595. Um Crime Delicado | Sérgio Sant'Anna
  596. Um Homem Sem Qualidades | Robert Musil
  597. Um Lugar ao Sol | Érico Veríssimo
  598. Um Sonho Americano | Norman Mailer
  599. Uma Mulher Sem Igual | Nadine Gordimer
  600. Uma Pupila Rica | Joaquim Manuel de Macedo
  601. Urupês | Monteiro Lobato
  602. Usina | José Lins do Rego
  603. Valsa Para Bruno Stein | Charles Kiefer
  604. Várias Histórias | Machado de Assis
  605. Venha ver o Pôr-do-Sol | Lygia Fagundes Telles
  606. Vênus | Camilo Pessanha
  607. Veronika Decide Morrer | Paulo Coelho
  608. Vesificação, Verso, Estrofe, Rima, Encadeamento e Metro
  609. Versos Íntimos | Augusto dos Anjos
  610. Vestido de Noiva | Nelson Rodrigues
  611. Via Láctea | Olavo Bilac
  612. Viagens de Gulliver | Jonathan Swift
  613. Vicente do Rego Monteiro
  614. Vida e Morte de M. J. Gonzaga de Sá | Lima Barreto 
  615. Vidas Paralelas | Plutarco
  616. Vigiar e Punir | Michel Foucault